quinta-feira, 23 de agosto de 2012

Lewandowski absolve João Paulo Cunha - Vergonha Nacional

.






Hoje, mais uma vez, assisti ao julgamento do Mensalão. Fiquei absolutamente indignada com os votos do Ministro Lewandowski, que absolveu João Paulo Cunha de todas as acusações.

Me veio imediadamente à memória Ruy Barbosa:

"De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto."

No meu caso, senti vergonha de ser brasileira, ao ser afrontada com a farsa armada pelo Magistrado para justificar os seus votos.