domingo, 16 de outubro de 2011

Ultrassom israelense, que destrói células cancerígenas, é instalado em hospital de São Paulo.

.






Ultrassom israelense, que destrói células cancerígenas, é instalado em hospital de São Paulo.




Único na América Latina, um avançado aparelho de ultrassom de alta freqüência, que utiliza tecnologia israelense, foi instalado no Instituto do Câncer do Estado de São Paulo e estará disponível à população pelo Sistema Único de Saúde (SUS). 


Ele destrói células cancerígenas sem a necessidade de cirurgia e anestesia. A principal vantagem é que as áreas ao redor do tumor não são afetadas, já que a técnica é muito precisa, só ataca onde é necessário. Também dispensa o uso de anestésicos e permite que os pacientes fiquem conscientes durante toda a operação. Além disto, o procedimento não causa dor intensa. 

A cerimônia de inauguração contou com a presença do governador Geraldo Alckmin.





**********************



INFORME AOS AMIGOS, PARENTES QUE TENHAM PESSOAS PORTADORAS DE CÂNCER EM SUAS FAMÍLIAS, ASSIM, PODERÃO IR EM BUSCA DE UMA SOLUÇÃO DIFERENTE PARA OS PROBLEMAS INERENTES À DOENÇA.


(Recebido por email)
.