sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Trágico e Cômico - Mensalão rumo à prescrição

.








A julgar (com trocadilho) pela lerdeza e, principalmente, pelo rabo preso, o caso do mensalão no STF caminha a passos largos… Para a prescrição. O judiciário é mais um balcão de negócios que dá chancela jurídica a gente da pior espécie. Dentre os seus feitos mais notáveis estão: 

1) ignorar a Lei Ficha Limpa, um anseio antigo da sociedade; 

2) enterrar a CNJ para que não se investigue os absurdos que acontecem dentro do judiciário

3) fazer acordo com o PMDB para absolver Jader Barbalho em troca do aumento de salários para juízes no congresso

Agora, quem garante que eles não chegarão a um “acordo” no caso do mensalão? Pois é, podem se preparar para o pior…

Juízes podem tentar se explicar torcendo e distorcendo a constituição, mas pra mim esse pessoal aí tem nome: bandidos de toga. Os fatos mostraram que Eliana Calmon tinha razão. Todo o resto é juridiquês de gente sem caráter.



.